Assim sou EU....

A menina de olhos castanhos, do cabelo comprido, do sorriso sincero, da risada esquisita, dos sonhos impossíveis, da esperança interminável, de insegurança constante, dos amigos perfeitos, do coração enorme.
Aquela que se apaixona, que se esquece dos erros, que se envergonha de tudo, que se sente sozinha, e que nunca desiste. A menina que precisa ser protegida, que chora por tudo, que morre de medo, que ama a vida, que se desespera, que aproveita cada segundo, que é romântica, que fica feliz com um abraço, que sonha demais, que pensa demais, que complica demais e que deseja apenas ser feliz!

quarta-feira, 22 de junho de 2011

Falar De Amor Não É Amar

Sou...

Sou uma diva...Divas nunca descem do salto!
Sou uma Lady...Lady's não correm, apenas andam rápido!
Sou uma princess...Sempre delicada!
Sou fabulous...Para sempre linda!
Sou perfect...Glamour não me falta!
Sou fashion...Sempre na moda!
Sou poderosa...Sim e sempre!
Sou uma doll...Sim e verdadeira!
Sou sexy...Muito,se Deus não me deu vc é pq existe coisa melhor!
Sou convencida...Sinal que eu posso,sempre realista!
Sou uma star...Sim e pode deixar que eu sei que brilho mais que vc!
Sou patty...Não,só me produzo!
Sou metida...Vc que pensa,só mostro minhas qualidades!
Sou mara...Sim, pq eu posso,mais já vc, prefiro não comentar!
Sou inigualável...Sim,o resto é xerox,se for para copiar tente fazer melhor,duvido que consiga!
Me quer...Tenta.Estou aberta para negociações,mais vou logo avisando não sou para quem quer e sim para quem pode!
Sou díficil... Não,só me dou o devido valor que mereço!
Não gosta de mim... Lamento, não preciso agradar ninguém para ser feliz!!!
Talvez eu venha a envelhecer rápido demais.
Mas lutarei para que cada dia tenha valido a pena.
Talvez eu sofra inúmeras desilusões no decorrer de minha vida.
Mas farei que elas percam a importância diante dos gestos de amor que encontrei.
Talvez eu não tenha forças para realizar todos os meus ideais.
Mas jamais irei me considerar um derrotado.
Talvez em algum instante eu sofra uma terrível queda.
Mas não ficarei por muito tempo olhando para o chão.
Talvez um dia o sol deixe de brilhar.
Mas então irei me banhar na chuva.
Talvez um dia eu sofra alguma injustiça.
Mas jamais irei assumir o papel de vítima.
Talvez eu tenha que enfrentar alguns inimigos.
Mas terei humildade para aceitar as mãos que se estenderão em minha direção.
Talvez numa dessas noites frias, eu derrame muitas lágrimas.
Mas não terei vergonha por esse gesto.
Talvez eu seja enganado inúmeras vezes.
Mas não deixarei de acreditar que em algum lugar alguém merece a minha confiança.
Talvez com o tempo eu perceba que cometi grandes erros.
Mas não desistirei de continuar trilhando meu caminho.
Talvez com o decorrer dos anos eu perca grandes amizades.
Mas irei aprender que aqueles que realmente são meus verdadeiros amigos nunca estarão perdidos.
Talvez algumas pessoas queiram o meu mal.
Mas irei continuar plantando a semente da fraternidade por onde passar.
Talvez eu fique triste ao concluir que não consigo seguir o ritmo da música.
Mas então, farei que a música siga o compasso dos meus passos.
Talvez eu nunca consiga enxergar um arco-íris.
Mas aprenderei a desenhar um, nem que seja dentro do meu coração.
Talvez hoje eu me sinta fraco.
Mas amanhã irei recomeçar, nem que seja de uma maneira diferente.
Talvez eu não aprenda todas as lições necessárias.
Mas terei a consciência que os verdadeiros ensinamentos já estão gravados em minha alma.
Talvez eu me deprima por não ser capaz de saber a letra daquela música.
Mas ficarei feliz com as outras capacidades que possuo.
Talvez eu não tenha motivos para grandes comemorações.
Mas não deixarei de me alegrar com as pequenas conquistas.
Talvez a vontade de abandonar tudo torne-se a minha companheira.
Mas ao invés de fugir, irei correr atrás do que almejo.
Talvez eu não seja exatamente quem gostaria de ser.
Mas passarei a admirar quem sou.
Porque no final saberei que, mesmo com incontáveis dúvidas, eu sou capaz de construir uma vida melhor.
E se ainda não me convenci disso, é porque como diz aquele ditado: “ainda não chegou o fim”.
Porque no final não haverá nenhum “talvez” e sim a certeza de que a minha vida valeu a pena e eu fiz o melhor que podia."
Lembro como se fosse ontem, mas aconteceu há exatos vinte  e cinco anos. Eu estava sozinha - não havia um único rosto conhecido a menos de um oceano de distância - sentada na beira de um lago. Fiquei um tempão olhando pra água, num recanto especialmente bonito. Foi então que me bateu uma felicidade sem razão e sem tamanho. Deve ser o que chamam de plenitude. Não havia acontecido nada, eu apenas havia atingido uma conexão absoluta comigo mesma. Não há como contar isso sem ser piegas. 

Aliás, não há como contar, ponto. Não foi algo pensado, teorizado, arquitetado: foi apenas um sentimento, essa coisa tão rara.

De lá pra cá, nem hino nacional, nem gol, nem parabéns a você me tocam de fato. Isso são alegrias encomendadas e, mesmo quando bem-vindas, ainda assim são apenas alegrias, que é diferente de comoção. O que me cala profundamente é perceber uma verdade que escapou dos lábios de alguém, um gesto que era pra ser invisível mas eu vi, um olhar que disse tudo, uma demonstração sincera de amizade, um cenário esplendoroso, um silêncio que se basta. E também sensações íntimas e indivisíveis: você conquistou, você conseguiu, você superou. Quem, além de você, vai alcançar a dimensão das suas pequenas vitórias particulares?

Eu disse pequenas? Me corrijo. Contemplar um lago, rever um amigo, rezar para seu próprio deus, ver um filho crescer, perdoar, gostar de si mesmo: tudo isso é gigantesco pra quem ainda sabe sentir.

Depois da Meia Noite

Ame...

Nós bebemos demais, fumamos demais, gastamos sem critérios, dirigimos rápido demais, ficamos acordados até muito mais tarde, acordamos muito cansados, lemos muito pouco, assistimos TV demais e rezamos raramente.

Multiplicamos nossos bens, mas reduzimos nossos valores.

Nós falamos demais, amamos raramente, odiamos freqüentemente.

Aprendemos a sobreviver, mas não a viver; adicionamos anos à nossa vida e não vida aos nossos anos. Fomos e voltamos à Lua, mas temos dificuldade em cruzar a rua e encontrar um novo vizinho.

Conquistamos o espaço, mas não o nosso próprio.

Fizemos muitas coisas maiores, mas pouquíssimas melhores. Limpamos o ar,mas poluímos a alma; dominamos o átomo, mas não nosso preconceito; escrevemos mais, mas aprendemos menos; planejamos mais, mas realizamos menos.

Aprendemos a nos apressar e não, a esperar.

Construímos mais computadores para armazenar mais informação, produzir maiscópias do que nunca, mas nos comunicamos menos. Estamos na era do 'fast-food' e da digestão lenta; do homem grande de caráter pequeno; lucros
acentuados e relações vazias.

Essa é a era de dois empregos, vários divórcios, casas chiques e lares despedaçados.Essa é a era das viagens rápidas, fraldas e moral descartáveis, das rapidinhas, dos cérebros ocos e das pílulas "mágicas". Um momento de muita coisa na vitrine e muito pouco na despensa. Uma era que leva essa carta a você, e uma era que te permite dividir essa reflexão ou simplesmente clicar 'delete'.

Lembre-se de passar tempo com as pessoas que ama, pois elas não estarão por aqui para sempre. Lembre-se dar um abraço carinhoso num amigo, pois não lhe custa um centavo sequer. Lembre-se de dizer "eu te amo" à sua companheira(o) e às pessoas que ama, mas, em primeiro lugar, ame... Ame muito.

Um beijo e um abraço curam a dor, quando vêm de lá de dentro. O segredo da vida não é ter tudo que você quer, mas AMAR tudo que você tem!

Por isso, valorize o que você tem e as pessoas que estão ao seu lado.

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Mudando o meu caminho completamente ...



Sem Drama !

Cansei dos mesmos sentimentos, das mesma dúvidas, cansei de sempre fazer perguntas e nunca obter as respostas !

É tempo de mudança, não pretendo ficar olhando na mesma direção para sempre.
É tempo de acreditar em mim mesma, é tempo de me impor diante as decisões que podem mudar a minha vida, é tempo de ser Feliz. 
 
Nem sempre é fácil encontrar um caminho que te leve diretamente ao lugar que você quer chegar, sei que vou encontrar pedras no meu caminho, mas estou decidida a viver novas experiências, conhecer mais de mim mesma.

Não tenha medo, existe um mundo de oportunidades, desafios a sua frente, agarre as oportunidades e vença os desafios !



Pessoas maduras sabem que toda mágoa é peso morto:
 faz de conta que eu não sofro. 

Ninguém sabe direito o que é felicidade, mas, definitivamente, não é acomodação.


Só digo o que penso,
só faço o que gosto
e aquilo que creio.
E se alguém não quiser entender
e falar pois que fale.
Eu não vou me importar com a maldade
de quem nada sabe.



"A grande maioria desiste. Eu, só estou abrindo mão."
Não me julgue, você sabe o meu nome, não minha história.

[Demi Lovato]



Todavia, quando tudo parece convergir para o que supomos o nada,
 eis que a vida ressurge, triunfante e bela!
Novas folhas, novas flores, na infinita benção do recomeço!

                                    Chico Xavier

 A depender de mim os psicanalistas estão fritos.
 Eu mesmo é que resolvo os meus conflitos com aspirina,
 amor ou com cachaça.
 Os gritos todos virarão fumaça.
A dor é coisa que dói e que passa.

[ Zeca Baleiro]

Eu decidi ficar com o amor.
Ódio é um fardo muito grande para suportar!

terça-feira, 14 de junho de 2011

Para minha IrmãCumadi - Obrigada ... Amei...

Posso te contar um segredo?  
O tempo passa, porém o amor continua.
    “Ser feliz sem motivo é a mais autêntica forma de felicidade.”
 Carlos Drummond
"  Só tenho tempo para o que é realmente verdadeiro …”   
Não pare de sonhar, pois algum dia você acordará e perceberá que tudo o que você sempre quis se realizou. Nada é impossível, basta você correr atrás de todos os seus desejos, mesmo que eles aparentem ser totalmente irreais!
Pode ser injusto, mas o que acontece em poucos dias, às vezes até uma única vez, pode alterar o rumo da sua vida inteira.
“Seja a mudança que você quer ver no mundo.”