Assim sou EU....

A menina de olhos castanhos, do cabelo comprido, do sorriso sincero, da risada esquisita, dos sonhos impossíveis, da esperança interminável, de insegurança constante, dos amigos perfeitos, do coração enorme.
Aquela que se apaixona, que se esquece dos erros, que se envergonha de tudo, que se sente sozinha, e que nunca desiste. A menina que precisa ser protegida, que chora por tudo, que morre de medo, que ama a vida, que se desespera, que aproveita cada segundo, que é romântica, que fica feliz com um abraço, que sonha demais, que pensa demais, que complica demais e que deseja apenas ser feliz!

terça-feira, 28 de abril de 2009


As pessoas vão esquecer o q vc disse, vão esquecer o que vc fez, mas nunca o que vc as fez sentir!

Kilometros (Sin Bandera)



Kilometros
(Sin Bandera)

A centenas de kilometros
Sua voz pode me aquecer como um sol
E sinto como uma troca harmônica
Vai compondo uma canção no meu interior

Sei que seguir não seria lógico
mas não esqueço seu perfume magico
E este encontro telefônico
Me lembrou que estou louco por ti

Que o mundo todo cabe num telefone
Que não ha distancias grandes para o nosso amor
Que tudo é perfeito quando te sinto
tão perto ainda que esteja tão longe

A centenas de kilometros
Tem um segredo que revela a minha dor
Enquanto você desliga o telefone
Continuara pensando o meu coração

Que o mundo todo cabe num telefone
Que não ha distancias grandes para o nosso amor
Que tudo é perfeito quando te sinto
tão perto ainda que esteja tão longe

No meu Coração Você Vai Sempre Estar

segunda-feira, 27 de abril de 2009

Da alma e do mundo

Você sabe exatamente onde está agora?

Você está numa cidade, junto com muita gente, e neste momento existe uma grande chance de várias pessoas terem em seus corações as mesmas esperanças e desesperanças suas.

Vamos adiante: você é um pontinho microscópico na superfície de uma bola. Esta bola gira em torno de outra, que por sua vez está localizada no cantinho de uma galáxia, junto com milhões de bolas semelhantes. Esta galáxia faz parte de um todo chamado Universo, cheio de gigantescos aglomerados estelares. Ninguém sabe exatamente onde ele começa e termina.

Mesmo assim, você é o máximo. Luta, se esforça e tenta melhorar.

Tem sonhos. Alegra-se e se entristece por causa do amor. Se você não estivesse vivo, algo estaria faltando.

Atenção ao minuto


Lao Tzu disse que, no decorrer de nossas vidas, devemos nos desligar da idéia de dias e horas, para prestar somente atenção ao minuto.

Assim fazendo, conseguiremos resolver nossos problemas antes que eles aconteçam. Se prestarmos atenção às pequenas coisas, teremos mais condição de nos resguardarmos das calamidades.

Isto não significa dizer que nossa vida deva ser uma preocupação constante. E pensar nas pequenas coisas não significa pensar pequeno.

Uma preocupação exagerada termina eliminando qualquer traço de alegria em nossas vidas.

O que Lao Tzu enfatiza é a importância do detalhe: uma grande aspiração é composta de milhares de coisas diferentes, assim como a luz do sol é a soma de seus milhões de raios.

VOCÊ...

Você não é o que aparenta ser nos momentos de tristeza. É muito mais que isso.

Ouça seu coração.

Lembre-se das pequenas lutas travadas em todos os dias de sua vida: você sobreviveu a elas. Só isto já é motivo de orgulho.

Enquanto muitos já se foram, por razões que nunca com¬preendamos, você continua aqui. Por que Deus levou pessoas tão incríveis, e deixou você? Porque sua vida ainda tem um sentido. Mesmo que não lhe seja claro.

Neste momento, milhões de pessoas já desistiram: não se aborrecem, não choram, não fazem mais nada. Apenas esperam o tempo passar.

Perderam toda e qualquer capacidade de reação.

Você, porém, está triste. Se ainda tem esta capacidade, é porque sua alma continua viva. E se sua alma continua viva, o Paraíso é possível.

quinta-feira, 23 de abril de 2009

MULHERES ASSISTAM... PERFEITOOOOOOOOO

ELE SIMPLESMENTE NAO ESTA A FIM DE VOCE: ENTENDA OS HOMENS SEM DESCULPAS

Sabe por que ele não apareceu naquela noite tão especial? Por que disse que não teve tempo de comprar seu presente de aniversário? Por que não conseguiu um momento vago na agenda para telefonar? Por que inventou aquela desculpa tenebrosa? Por que repetiu tantas vezes que não quer manter um relacionamento sério? Ou que não consegue ser monógamo e por este motivo traiu você? Ele também não pode nem ouvir falar em casamento, afirma que jamais romperá o dele para ficar ao seu lado porque tem medo de um envolvimento sério, ou filhos e uma mulher – adivinhe? – doente, que pulará do décimo quinto andar ao menor sinal de separação. Não é assim que tudo vem acontecendo? E você, bem, você tem sempre uma desculpa, a pior de todas, na maioria das vezes, para justificar as atitudes dele e o que é mais grave, perdoá-lo.

Mesmo contra a sua vontade (no fundo sempre adiamos esse momento) chegou a hora de conhecer toda a verdade. E ela é curta e grossa. Ele simplesmente não está a fim de você. Doeu? É para doer mesmo. Foi forte demais? A intenção era essa. O próximo passo é jogar fora todas as desculpas. Todas, bem entendido? Nada de frases melodramáticas, daquela tsunami de lágrimas, de possíveis encontros para (argh!!!) discutir a relação.

Mas o show não pode parar, assim de repente, certo? Depois de cair na real, marcar uma sessão extra (mais uma...) com o analista costuma funcionar. Quem sabe substituir a sessão por um afogamento básico numa piscina de prozac e sair por aí rindo como quem ganha sozinha a mega-sena acumulada? Para as mais desesperadas, está valendo cortar os pulsos, abrir o gás etc etc etc. Bom, mas tudo isso perde o prazo de validade se, por uma dessas bênçãos do destino, cair em suas mãos o livro de Greg Behrendt e Liz Tuccillo, Ele simplesmente não está a fim de você - Entenda os homens sem desculpas.

Greg e Liz integraram a equipe de redação de Sex and the city, seriado americano muito popular, e, portanto, sabem do que estão falando. Acostumados a escrever sobre comportamento, relacionamentos, pessoas, descobriram que "quanto mais a mulher se valoriza, maior a chance de conseguir algo parecido" Resolveram – benditos sejam – passar isso adiante para que mulheres lindas, inteligentes e engraçadas como nós não se deixem envolver por desculpas esfarrapadas, possam esquecer todas elas e dar boas risadas.

Ler o livro da dupla é uma experiência que mudará sua vida. Fica então decretado que para ter um exemplar na bolsa, outro na gaveta do escritório, e ainda mais um na mesinha-de-cabeceira, todos os sacrifícios são válidos. Ah, sem esquecer daqueles exemplares extras, que você distribuirá entre as amigas como doses extras de prozac.

De acordo com os bem-humorados autores de Ele simplesmente não está a fim ... daqui em diante, você poderá poupar horas e horas de espera ao lado do telefone e não precisará perder mais tempo tentando descobrir por que um cara não liga, e não vai mais, na melhor das hipóteses, cansar a própria beleza, o que já é um super- lucro. "E, acima de tudo, se o cara com quem está saindo não parece estar completamente a fim de você, ou se você sente necessidade de começar a analisá-lo, por favor, lembre-se da idéia gloriosa de que ele simplesmente não está a fim. Enfim, libere-se e trate de encontrar um que esteja", diz Liz Tuccillo. Para Greg, com critérios bem mais rigorosos e adepto da linha acorde ou morra, "perder tempo com a pessoa errada é literalmente apenas perda de tempo. E, quando você segue em frente e encontra a pessoa certa, pode acreditar não vai desejar ter passado mais tempo com o Nojentinho, o Desperdiçador-de-Tempo ou com o Zezinho Nunca-Lembra-de-Telefonar"

Felizes? Agora é correr para encontrar o amor fantástico, saudável e capaz de transformar um amanhecer cinzento em uma belíssima manhã de primavera. Até porque – não esqueçam – vocês merecem.

Para as mulheres...

sexta-feira, 17 de abril de 2009

MEDITATION MUSIC

Entendendo o Rio

“Um rio nunca passa duas vezes pelo mesmo lugar” diz um filósofo. “A vida é como um rio”, diz outro filósofo, e chegamos à conclusão que esta é a metáfora mais próxima do significado da vida. Por conseqüência, é sempre bom lembrar durante todo o tempo::

A] Sempre estamos diante da primeira vez. Enquanto nos movimentamos entre a nossa nascente (o nascimento) e o nosso destino (morte), as paisagens serão sempre novas. Devemos encarar todas estas novidades com alegria, e não com medo – porque é inútil temer o que não se pode evitar. Um rio não deixa de correr jamais.

B] Em um vale, andamos mais devagar. Quando tudo à nossa volta fica mais fácil, as águas se acalmam, nos tornamos mais amplos, mais largos, mais generosos.

C] Nossas margens sempre são férteis. A vegetação só nasce onde existe água. Quem entra em contato conosco, precisa entender que estamos ali para dar de beber a quem tem sede.

D] As pedras precisam ser contornadas. Evidente que a água é mais forte que o granito, mas para isso é preciso tempo. Não adianta deixar-se dominar por obstáculos mais fortes, ou tentar bater-se contra eles; gastaremos energia à toa. O melhor é entender por onde se encontra a saída, e seguir adiante.

E] As depressões necessitam paciência. De repente o rio entra em uma espécie de buraco, e para de correr com a alegria de antes. Nestes momentos, a única maneira de sair é contar com a ajuda do tempo. Quando chegar o momento certo, a depressão se enche, e a água pode seguir adiante. No lugar do buraco feio e sem vida, agora existe um lago que outros podem contemplar com alegria.

F] Somos únicos. Nascemos em um lugar que estava destinado para nós, que nos manterá sempre alimentados de água o suficiente para que, diante de obstáculos ou depressões, possamos ter a paciência ou a força necessária para seguir adiante. Começamos nosso curso de maneira suave, frágil, onde até mesmo uma simples folha para nosso curso. Entretanto, como respeitamos o mistério da fonte que nos gerou, e confiamos em sua Eterna sabedoria, aos poucos vamos ganhando tudo que nos é necessário para percorrer nosso caminho.

G] Embora sejamos únicos, em breve seremos muitos. À medida que caminhamos, as águas de outras nascentes se aproximam, porque aquele é o melhor caminho a seguir. Então já não somos apenas um, mas muitos – e há um momento em que nos sentimos perdidos. Entretanto, como diz a Bíblia, “todos os rios correm para o mar”. É impossível permanecer em nossa solidão, por mais romântica que ela possa parecer. Quando aceitamos o inevitável encontro com outras nascentes, terminamos por entender que isso nos faz muito mais fortes, contornamos os obstáculos ou preenchemos as depressões em muito menos tempo, e com muito mais facilidade.

H] Somos um meio de transporte. De folhas, de barcos, de ideias. Que nossas águas sejam sempre generosas, que possamos sempre levar adiante todas as coisas ou pessoas que precisarem de nossa ajuda.

I] Somos uma fonte de inspiração. E portanto, deixemos para um poeta brasileiro, Manuel Bandeira, as palavras finais:

“Ser como um rio que flui
Silencioso no meio da noite
Não temer as trevas da noite
Se há estrelas no céu, refleti-las.
E se o céu se enche de nuvens
Como o rio, as nuvens são água;
Refleti-las também sem mágoa
Nas profundidades traqüilas.”
Como o rio, as nuvens são água;
Refleti-las também sem mágoa
Nas profundidades traqüilas.”

quarta-feira, 15 de abril de 2009

Semana Santa em Floripa...

"Todos os dias Deus nos dá um momento em que é possível mudar tudo que nos deixa infelizes. O instante mágico é o momento em que um 'sim' ou um 'não' pode mudar toda a nossa existência."
"É justamente a possibilidade de realizar um sonho que torna a vida interessante"
"O segredo da felicidade está em olhar todas as maravilhas do mundo e nunca se esquecer da sua missão ou do seu objetivo.
Viajem para Floripa... Tudo muito lindooooooo....
Amoooooooooooooooooooooooo....

sexta-feira, 3 de abril de 2009



"A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca, e que, esquivando-se do sofrimento, perdemos também a felicidade. A dor é inevitável. O sofrimento é opcional." (Carlos Drummond de Andrade)